DELIM GÁS

DELIM GÁS

4 de setembro de 2015

Câncer Infantojuvenil - Diagnosticar é preciso

Com o objetivo de conscientizar a população sobre o câncer entre crianças e adolescentes, a Confederação Nacional das Instituições de Apoio e Assistência à Criança e ao Adolescente com Câncer – CONIACC realiza em este mês em todo o país a Campanha Setembro Dourado, tendo como parceira a Sociedade Brasileira de Oncologia Pediátrica – SOBOPE.
A campanha surge com ações educativas e preventivas para divulgar os principais sinais e sintomas da doença ao maior número de pessoas, principalmente porque os casos diagnosticados, muitas vezes, são encaminhados aos centros de tratamento com a doença já em estágio avançado. Isso se deve a diversos fatores como: a desinformação dos pais; o medo do diagnóstico de câncer; dificuldades de acesso à assistência médica e exames específicos; bem como, médicos pediatras com lacunas de formação quanto ao tema - diagnóstico precoce do câncer infantojuvenil.
Em Natal, promovem a Campanha a Casa de Apoio à Criança com Câncer Durval Paiva, o Grupo de Apoio à Criança com Câncer (GACC), o Hospital Infantil Varela Santiago e a Liga Norte Riograndense contra o Câncer, contando com a parceria da Prefeitura do Natal, com participação das secretarias Municipais de Meio Ambiente e Urbanismo (SEMURB), Cultura (Secult), Educação (SME), Serviços Urbanos (Semsur) e a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) de Natal.
Dentre as atividades previstas para este mês constam ações nas quatro regiões administrativas da capital potiguar, das 8 às 15h. No dia 11/09 - Cidade Satélite, 15/09 – Pompéia, 22/09 – Rocas e dia 25/09 - Vale Dourado, com atividades educativas, de cidadania e de lazer.
Sobre o câncer...
Atualmente, a ciência ainda não identificou fatores de risco para o câncer infantojuvenil. Os tipos mais frequentes são: a leucemia (câncer da medula óssea), os tumores de sistema nervoso central e os linfomas (tumores do sistema linfático), mas, existem outros tipos de câncer nessa faixa etária. Como não existem exames diagnósticos de triagem (como medida preventiva), os sinais e sintomas são importantes para o diagnóstico precoce.
Sinais e sintomas como: dor nos ossos, febre persistente sem causa aparente, manchas roxas pelo corpo, dor de cabeça persistente por dias, emagrecimento repentino, sangramentos anormais, nódulos em ossos ou no músculo, aumento de gânglios que ficam endurecidos, mancha branca no olho, são alguns dos sintomas de alerta que podem sugerir um câncer na criança ou no adolescente e que indicam a necessidade de um exame por um especialista.
Todos que assistem às crianças devem estar atentos a esses sinais e sintomas. O diagnóstico precoce é a nossa principal arma para esta patologia, afinal, quando diagnosticado precocemente as chances de cura podem chegar a 90%.  

Nenhum comentário:

Postar um comentário