DELIM GÁS

DELIM GÁS

7 de outubro de 2015

Henrique Alves lança Ano Olímpico para o Turismo em evento com a presidente Dilma

A presidente da República, Dilma Rousseff, e o ministro do Turismo, Henrique Eduardo Alves, reuniram as principais lideranças políticas do país para lançar nesta quarta-feira (7), em Brasília, o “Ano Olímpico para o Turismo”, iniciativa para potencializar os efeitos dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos Rio 2016 para todo o país. Para a presidente, o evento representa um marco na consolidação do processo do Brasil como importante destino turístico no cenário mundial.

O ministro Henrique Eduardo Alves abriu o evento com um discurso onde citou os principais números do setor, como a contribuição de 3,7% do turismo para o desenvolvimento socioeconômico do país. “Temos que mostrar que o Brasil não é do mau humor, da crise; turismo gera emprego e renda, é unidade, é sorriso, é emoção. Vamos superar as dificuldades e podemos fazer do turismo um dos motores de desenvolvimento do país”, disse.  O ministro defender medidas que elevem o turismo ao patamar de principal vertente econômica e social do país. A plateia, que lotou o auditório de 800 lugares do Centro de Convenções Ulysses Guimarães, aplaudido o ministro de pé.


A presidente Dilma elogiou a energia de Henrique Alves no comando do ministério e a capacidade de convencimento do ministro ao defender o turismo como atividade econômica. “O ministro Henrique tem razão de utilizar a Olimpíada como plataforma para alavancar o turismo. Os jogos vão permitir atrair mais turistas internacionais, movimentar o turismo interno.  O turismo tem a capacidade de congregar empresas de todos os portes, gerar emprego e ajudar a construir renda e riqueza no país”, disse a presidenta da República. Segundo ela, o Brasil passou por dificuldades conjunturais que o turismo, “atividade que contribui para o otimismo no país”, pode ajudar a superar.

Revezamento - O revezamento da tocha foi apontado pelas autoridades como a principal oportunidade para a divulgação dos destinos turísticos brasileiros.  O ministro do Turismo avalia que o revezamento da tocha será a oportunidade de mostrar cada canto do Brasil. “O revezamento da tocha vai emocionar ao mostrar ruas, vielas, praças para o mundo ver. Esta é a hora de fazermos o casamento perfeito entre os jogos e o turismo. Um grande encontro de harmonia e paz”.

Para a presidente Dilma os jogos perpassam o imaginário dos brasileiros: “ A tocha percorrerá 300 municípios em um ritual de 100 dias e vai mobilizar a atenção das pessoas, permitindo que as cidades mostrem suas belezas naturais e riquezas culturais”. Estiveram no palco, junto com Henrique Alves e a presidente Dilma, o vice-presidente da República, Michel Temer, o ministro do Esporte, George Hilton, o prefeito do Rio, Eduardo Paes e o presidente da Autoridade Pública Olímpica (APO), Marcelo Pedroso.

No Rio Grande do Norte, a tocha olímpica vai pernoitar em Natal e Mossoró, onde serão realizados grandes eventos apoiados pelo MTur, e passar pelas cidades de Assú, Angicos, Lajes, Parnamirim e São José de Mipibú.

Eduardo Paes deu um panorama das obras que estão sendo realizadas no Rio de Janeiro e revelou que os equipamentos esportivos, como o Parque Olímpico, estão com mais de 85% de execução. “Os desafios de organizar os jogos são oportunidades para transformamos nossa cidade. Estamos entregando 27 obras, que é mais do que prometemos e não teremos elefantes brancos na cidade”, disse o prefeito, que avalia que a cooperação e os investimentos do governo federal foram fundamentais para este desempenho.

Evento – O lançamento do Ano Olímpico para o Turismo foi uma celebração que mobilizou ministros, prefeitos, secretários de turismo, embaixadores de vários países, membros do Conselho Nacional de Turismo, entre outros. O evento começou com a execução em sanfona do Hino Nacional pelo músico potiguar Dorgival Dantas e a paranaense Mariyanne Francescon.

Também representaram o Rio Grande do Norte no evento, a senadora Fátima Bezerra, os deputados federais Antônio Jácome, Rogério Marinho, Rafael Motta e Betinho Segundo; os reitores Ângela Cruz (UFRN) e Pedro Fernandes (UERN); os prefeitos de Parnamirim, Maurício Marques e de Extremoz, Klaus Rego; a ex-governadora Rosalba Ciarlini e o secretário de turismo de Natal, Fred Queiroz.

Nenhum comentário:

Postar um comentário