DELIM GÁS

DELIM GÁS

15 de junho de 2016

Mesários e membros de mesas receptoras já são nomeados para as eleições municipais

A partir desta segunda-feira, 13 de junho, os juízes eleitorais de cada Município já podem começar a nomear os mesários e os membros das mesas receptoras dos locais de votação das Eleições 2016. O prazo final para essa nomeação é o dia 3 de agosto.

Todo eleitor a partir dos 18 anos em situação regular pode ser convocado para trabalhar no dia da votação, com exceção dos candidatos e seus parentes até o segundo grau e também parentes por afinidade. Também estão impedidos de ser mesários os integrantes dos diretórios de partidos que exerçam função executiva, os agentes e autoridades policiais, assim como os funcionários com cargos de confiança do Executivo e os que pertencem ao serviço eleitoral.

A convocação dos mesários é feita por um comunicado oficial da Justiça Eleitoral publicado no Diário Oficial. Outro meio é receber pelos Correios uma carta convocatória ou um e-mail, caso esta opção tenha sido anteriormente autorizada, por escrito, pelo eleitor no cartório eleitoral. A lista de convocados será fixada nos cartórios eleitorais.


Mesa Receptora
A Mesa Receptora é formada pelo conjunto de mesários que trabalharão em cada seção eleitoral. Ela é composta por um presidente, dois mesários, dois secretários e um suplente. A escolha de cada função que os mesários exercerão é feita em audiência pública pelo juiz eleitoral com, no máximo, 60 dias de antecedência do pleito. As Eleições 2016 estão marcadas para o próximo dia 2 de outubro.

Eles vão organizar os trabalhos das seções eleitorais do início da votação, às 8h, até o encerramento, às 17h. Os mesários recebem o eleitor, colhem e conferem a assinatura no caderno de votação com os documentos apresentados e liberam a urna para o voto.

Dentro da seção eleitoral, o presidente da Mesa Receptora é a autoridade máxima, e deve garantir o sigilo do voto de cada eleitor e a tranquilidade no ambiente de votação, além de zelar pela segurança da urna eletrônica durante todo o processo.

Mesário Voluntário
Desde 2004 foi criado o programa Mesário Voluntário pela Justiça Eleitoral, por meio do qual o eleitor pode se candidatar para trabalhar no dia da eleição em vez de esperar ser convocado. Atuar como mesário é a chance que muitos brasileiros têm de se envolver diretamente no processo democrático que escolhe os novos representantes de sua localidade.

Da Agência CNM, com informação do TSE

Nenhum comentário:

Postar um comentário