DELIM GÁS

DELIM GÁS

16 de junho de 2017

Aos 72 anos morre Wilma de Faria, ex-governadora do RN

A ex-governadora do Rio Grande do Norte Wilma de Faria morreu, aos 72 anos, na noite desta quinta (15) em Natal. Popularmente conhecida por “a guerreia”, Wilma cumpria atualmente mandato de vereadora da capital potiguar, mas estava afastada das funções desde o dia 18 de abril para tratamento de um câncer.

Wilma vinha convivendo com câncer no sistema digestivo há mais de dois anos, quando passou por tratamentos quimioterápicos e algumas cirurgias em São Paulo e Natal. Estava desde o dia 3 de junho na Casa de Saúde São Lucas, onde permaneceu até agora quando veio a óbito por falência múltipla de órgãos.

O velório acontecerá no Palácio da Cultura e o sepultamento no Morada da Paz, em Emaús.

Trajetória política de Wilma


Wilma de Faria conduziu o Rio Grande do Norte por dois mandatos consecutivos, de 2003 a 2010. Mossoroense, ela foi uma das mais relevantes mulheres da política nacional e tornou-se referência da força feminina, vindo a ser a primeira prefeita de Natal e primeira mulher a governar o estado.

Wilma foi deputada federal constituinte, secretária de estado, vice-prefeita da capital e, mais recentemente, ocupava uma cadeira na Câmara Municipal de Natal. Mestre em Educação pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), foi professora do Departamento de Educação do Centro de Ciências Sociais e Aplicadas da mesma universidade.

Sobrinha-neta do ex-governador Dinarte Mariz, Wilma de Faria entrou para a vida pública como primeira-dama do Rio Grande do Norte, em 1979.

Wilma deixa quatro filhos – entre eles, a deputada estadual Márcia Maia.  O velório será na Pinacoteca do Estado (Palácio Potengi), a partir das 8h desta sexta-feira. O Estado irá decretar três dias de luto oficial pelo falecimento da ex-governadora.

O vice-governador do Estado, Fabio Dantas, emitiu uma nota de pesar sobre a morte de Wilma. “Neste momento de pesar externo minha eterna admiração, gratidão e respeito pela deputada constituinte, prefeita, governadora, vice-prefeita e vereadora Wilma de Faria, por tudo que ela representou e fez pelo Rio Grande do Norte. Uma mulher amiga cuja trajetória foi marcada pela coragem, ousadia, pioneirismo na política e um extremo zelo pelo desenvolvimento social. Seu legado e caráter aguerridos serão sempre lembrados pelo povo potiguar. Natal está órfã daquela que praticamente fez tudo que existe hoje. Aos familiares e amigos, rogo a Deus que os confortem por essa perda irreparável. Sou eternamente grato, pois foi ela a primeira pessoa que, com muito carinho, confiou em mim para trabalhar pelo nosso Estado. Descanse em paz, amiga.”

A deputada estadual Cristiane Dantas também externou condolências. “A partida da professora Wilma de Faria deixa uma lacuna sem precedentes na política e na área social do Rio Grande do Norte. O povo potiguar é testemunha do seu legado de pioneirismo como deputada federal constituinte, prefeita de Natal, governadora do Estado, vice-prefeita e vereadora de Natal. Um exemplo de mulher empoderada a ser seguido. Solidarizo-me com os filhos, netos, companheiro e amigos neste momento de pesar.”


Fonte:http://oportaln10.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário