DELIM GÁS

DELIM GÁS

18 de julho de 2017

Até 2018, todas as Unidades Básicas de Saúde deverão implantar prontuário eletrônico

Até o fim de 2018, todas as Unidades Básicas de Saúde (UBS) do Brasil deverão implantar prontuário eletrônico. Atualmente, apenas 35,7% das UBS usam a ferramenta, isto é, cerca de 15,1 mil unidades. A meta foi estabelecida pelo Ministério da Saúde.

De acordo com a pasta, além de qualificar o atendimento à população, o prontuário eletrônico é uma tecnologia que permite a economia de recursos. Com ele, o médico tem acesso ao histórico do paciente e, dessa maneira, evitam-se exames duplicados ou consultas repetidas. Assim, o acesso aos dados torna os serviços mais eficientes e aumenta a qualidade do atendimento.

Além disso, já está em curso proposta para implementar a biometria, que ajudará no monitoramento de metas de desempenho, cumprimento de horários e tempo destinado à consulta.

Confira aqui uma nota técnica elaborada pela Confederação Nacional de Municípios (CNM) sobre o assunto.

Agência CNM, com informações do MS

Nenhum comentário:

Postar um comentário